Juventude diz não ao golpe e faz ato em frente ao Diário Catarinense

A juventude dos Comitês nas Universidades e trabalhadores realizaram uma mobilização contra o Grupo RBS, afiliada da rede Globo, em frente o Diário Catarinense, que acaba de completar 30 anos em atividade, nesta quinta-feira (5), na SC-401, em Florianópolis. Eles denunciam o envolvimento da empresa que usa espaço de concessão pública para benefício próprio e apoio a um golpe de estado. Cerca de 100 estudantes participaram do ato e a rodovia foi fechada por 15 minutos no sentido Norte da Ilha, para chamar a atenção do monopólio da comunicação.

Para o presidente do Partido dos Trabalhadores de Florianópolis, Carlos Eduardo de Souza (Cadu), este ato mostra a força da nossa juventude, que diz não ao golpe orquestrado pela grande mídia, parte da elite brasileira e pela direita raivosa, que não aceitou o resultado das urnas nas últimas eleições e tenta tirar o governo a qualquer custo. Ainda segundo ele, é importante dizer para o Brasil inteiro que há uma juventude fazendo um levante popular, para não perder os direitos garantidos ao longo deste período democrático brasileiro

“Uma nova geração de militantes pelas causas, pelos direitos do mundo do trabalho e pelas garantias fundamentais, surgem a partir do momento em que parcela da elite brasileira e meios de comunicação assumem uma postura fascista perante a nossa democracia. O que acontece no país, neste momento, é que a juventude brasileira consciente, que não quer perder direitos vai às ruas para garantir essa resistência no âmbito das conquistas populares”, finaliza Cadu.

Confira aqui a galeria de fotos

 

Eventos

Sem eventos

Curta o PT Floripa

Receber informativo

PT - SC

PT Nacional